Bode na Sala
Destaque Notícias

ComicCon RS 2019 | Confira como foi o segundo dia do evento

ComicCon RS 2019 | Confira como foi o segundo dia do evento

O segundo dia de atividades da ComicCon RS trouxe várias atividades sobre cultura pop. Anúncios de histórias em quadrinhos, séries da Netflix e debates sobre V de Vingança marcaram o evento, que aconteceu na Ulbratech, em Canoas.

As atividades começaram com os anúncios da Panini Comics, principal editora de quadrinhos do Brasil. Entre as novidades, estavam o lançamento de Prodigy, segundo trabalho do conceituado roteirista Mark Millar (Kingsman, Kick Ass, O Procurado). O brasileiro Rafael Albuquerque desenha. O lançamento está previsto para ainda este ano.

Ao meio-dia, o elenco da série Necrópoles, do Netflix, subiu ao palco para falar sobre o projeto. A sitcom, que está com sua primeira temporada na íntegra no serviço de streaming, narra o dia a dia de uma equipe de funcionários que gerencia um necrotério.

Elenco da série Necrópolis.

As histórias em quadrinhos continuam sendo o carro-chefe da CCRS. Às 13h, o sucesso da Casa das Ideias, a Marvel, foi abordado pelos painelistas. Às 13h45, os 80 anos do maior Morcego da cultura pop, o Batman, foi celebrado. Às 15h, o desenhista gaúcho Daniel HDR recebeu a medalha Roberto Canini – sempre entregue ao homenageado do ano. Às 16h, vários editores de quadrinhos debateram alternativas para a crise do mercado editorial.

O grande convidado do ano de 2019, o desenhista britânico David Lloyd, debateu a influência da HQ V de Vingança na cultura pop. Respondendo perguntas do público, o artista falou sobre o o grande impacto político e cultural que a publicação causa desde os anos 1980 – data de sua publicação.

Às 17h30, o futuro da DC Comics nos cinemas foi abordado. Logo após isso, um desfile de cosplays animou o público. No apagar das luzes, o editor da MSP (Maurício de Souza Produções), Sidney Gusman, falou sobre o impacto do projeto Graphic MSP no mercado. Selo que abriga lançamentos com abordagem adulta dos quadrinhos da Turma do Bairro do Limoeiro, a Graphic MSP trouxe Laços, graphic novel que inspirou o filme da Turma da Mônica.


Siga o Bode na Sala no Facebook para não perder nenhuma novidade sobre cultura pop!

The following two tabs change content below.
Jornalista em formação, ex-membro do finado e saudoso Terra Zero e leitor de histórias em quadrinhos. Fã de ficção científica e terror, divide seu tempo livre entre o cuidado com suas dezenas de gatos e a paixão pela cultura pop. Sonha com o dia em que perceberão que arte é sim, uma forma de discutir política.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close