Bode na Sala
Destaque Filmes Notícias

Após polêmica envolvendo Vingadores: Ultimato, cinemas nacionais têm novas regras

Após polêmica envolvendo Vingadores: Ultimato, cinemas nacionais têm novas regras

Segundo a Folha, o ministro da Cidadania, Osmar Terra, assinou a regra conhecida como a cota de tela, ou seja, uma regra que obriga os cinemas locais a exibirem uma cota de filmes nacionais durante o ano. A decisão foi tomada após a controvérsia de Vingadores: Ultimato, que ocupou 80% das salas nacionais em sua semana de estreia.

Ainda não foram divulgadas a porcentagens de filmes nacionais exibidos por ano ou o número mínimo de salas que eles devem ocupar. O número deve seguir o do ano passado, os complexos de sala deverão exibir produções brasileiras por, pelo menos, 28 dias no ano. A quantidade de filmes nacionais aumentam progressivamente até chegam em 24 títulos, no caso de complexos com 16 salas ou mais. Este decreto era publicado todo final de ano, mas sua falta de publicação em dezembro de 2018 permitiu que Vingadores: Ultimato batesse o recorde de exibição no Brasil.

Com direção dos irmãos Joe & Anthony RussoVingadores: Ultimato está em cartaz nos cinemas nacionais. Leia a nossa crítica!

 

Quer ficar por dentro de todas as novidades sobre filmes e séries? Curta a nossa página no Facebook!

The following two tabs change content below.
Estudante de jornalismo, tem 20 anos e é assistidor de séries semi profissional. Fissurado em cinema desde sempre, nunca trabalhou na área e pretende mudar isso algum dia. Fã do Studio Ghibli e de musicais, é fissurado no cinema sul-coreano e nas suas formas de vingança.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close