Bode na Sala
Destaque Especiais Filmes Netflix

Dica de Quinta | 5 ótimos filmes originais lançados pela Netflix em 2018

Dica de Quinta | 5 ótimos filmes originais lançados pela Netflix em 2018

A Netflix lança um número enorme de produções com o selo original semanalmente. Apesar de algumas serem verdadeiros sucesso, a maior parte delas se perde em meio ao extenso catálogo do serviço de streaming. Entre os filmes, isso é ainda mais fácil de acontecer, já que é muito raro algum longa da empresa se sobressair, principalmente em qualidade. Para a Dica de Quinta desta semana, conseguimos peneirar o catálogo da Netflix e escolhemos 5 filmes da empresa lançados em 2018 que consideramos os melhores, ou pelo menos estão entre eles (não conseguimos assistir tudo). Tem filme de drama, faroeste, ficção científica, tem pra todo gosto. Bora conferir?

  • Aniquilação

O primeiro grande esnobado cinematográfico de 2018. O filme segue uma bióloga em uma expedição militar secreta uma bizarra região conhecida como Área X, um lugar onde leis da natureza não funcionam. Composta somente por mulheres, a equipe sofre a medida que se adentram na área, afetando drasticamente seus psicológicos e seus corpos. Com um grande elenco composto por Natalie Portman, Jennifer Jason Leigh, Tessa Thompson, Gina Rodriguez e Oscar Isaac (fazendo o marido desaparecido da protagonista), Aniquilação possui uma das cenas mais brilhantes e assustadoras do ano. É uma grande pedida para os fãs de terror e, principalmente, ficção científica.


  • Roma

O filme de Alfonso Cuarón chama a atenção justamente por ser um filme do Alfonso Cuarón. Se trata de uma história no México dos anos 70 que acompanha uma governanta de uma família de classe média. Parece simples, mas o longa, todo feito em preto e branco, trata de questões como abandono paternal, diferença de classes sociais, faz uma sutil crítica à política como um todo, e ainda apresenta uma das atuações mais poderosas do ano, realizada pela estreante Yalitza Aparicio. Roma é o filme mais cinematográfico da Netflix, e deve ser visto na maior tela possível.


  • O Outro Lado do Vento

Nos anos 70, o lendário diretor Orson Welles começou a produzir este filme, e nunca chegou a concluí-lo. Estrelado por John Huston e Peter Bogdanovich, dois monstros do cinema, O Outro Lado do Vento é um tipo de paródia séria sobre a vida do próprio Orson Welles, acompanhando um dia inteiro na vida de um lendário diretor de Hollywood que não consegue terminar o último filme de sua carreira (que é propositalmente ruim). Apesar de ser um filme bastante denso e quase difícil de acompanhar, ele consegue figurar entre as melhores produções originais da Netflix, que abraçou carinhosamente o projeto e conseguiu homenagear o diretor finalizando sua última obra mais de 40 anos depois. Para quem quiser conhecer mais o diretor, uma outra opção é Serei Amado Quando Morrer, documentário original da Netflix sobre a vida de Welles que começa 5 segundos após o fim de O Outro Lado do Vento. Que tal uma dobradinha?


  • A Balada de Buster Scruggs

Os irmãos Ethan & Joel Cohen são conhecidos por suas excentricidades ao realizar um filme, e com o novo projeto de ambos não poderia ser diferente. Se trata de um faroeste, gênero já explorado pelos irmãos em Bravura Indômita, composto por 6 histórias (uma mais absurda que a outra). O filme é bem engraçado, e consegue mesclar números musicais e muita violência gráfica parando para o espectador respirar com uma belíssima história sobre a corrida do ouro. Poderia ficar horas explicando sobre cada um dos contos que o filme apresenta, mas é melhor deixar a curiosidade no ar para que você o procure ainda hoje. Garanto que irá se divertir!


  • Cam

Produzido por ninguém menos que Jason BlumCam é um exemplar de como um suspense cibernético deve ser. Estrelado por Madeline Brewer (a Janine de The Handmaid’s Tale), o filme segue uma jovem que ganha a vida como camgirl, ou seja, uma garota que realiza performances sexuais via internet. Na tentativa de se tornar a melhor camgirl do site que faz parte, a jovem começa a apelar por práticas que prometeu a si mesma não fazer, e isso desencadeia uma série de eventos misteriosos envolvendo uma excelente tensão psicológica. Prepare-se para ficar tão confuso quanto a protagonista…


Quer ficar por dentro de todas as novidades sobre filmes e séries? Curta a nossa página no Facebook!

The following two tabs change content below.

João Vitor Hudson

João Vitor Hudson é um publicitário aos 22 anos. Ama cinema desde quando desejava as férias escolares só pra assistir todos os filmes do Cinema em Casa e da Sessão da Tarde. Ama o MCU, e confia bastante no futuro da DC nos cinemas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close