Bode na Sala
Destaque Filmes Notícias

James Wan recusou filme do Flash para dirigir Aquaman

James Wan recusou filme do Flash para dirigir Aquaman

Aquaman estreou e já conta com uma leva de elogios, principalmente para a direção de James Wan. No entanto, em entrevista ao NY Times, o cineasta contou que recusou outro herói da DC para poder levar às telonas a aventura solo do Rei dos Sete Mares.

Tendo feito Invocação do Mal, eu era parte da família da Warner Bros. e sabia que eles estavam de acordo com a DC“, contou Wan. “Falei com o executivo Kevin Tsujihara em uma estreia e disse que estava interessado em trabalhar com alguma das franquias da DC, então eles me deram duas opções que ainda não tinham envolvimento de nenhum cineasta: Flash e Aquaman”, disse.

Senti que o Flash já tinha sido feito antes. Naquele ponto já havia duas versões pra TV do personagem. Já Aquaman nunca tinha sido feito antes. Percebi o enorme e insano mundo que ele vive, e vi que poderia fazer algo interessante com ele“, explicou o diretor.

Wan também comentou que a decisão se alinhou com suas influências: “Eu admiro gente como Steven SpielbergJames CameronGeorge Lucas e John Carpenter. Sou um cineasta de gênero, naturalmente. Então pensei que poderia fazer um filme de gênero para o Aquaman, misturando com meus filmes de monstro. A DC basicamente disse ‘sim, você pode fazer Aquaman versus monstros marinhos, se quiseri'”, concluiu.

Aquaman conta com Jason Momoa no papel principal, Amber Heard (Mera), Willem Dafoe (Vulko), Patrick Wilson (Orm) e Nicole Kidman (Rainha Atlanna). James Wan dirige o filme e o roteiro fica a cargo de Will Beall.

O filme está em cartaz nos cinemas nacionais. Confira a nossa crítica aqui!


Quer ficar por dentro de todas as novidades sobre filmes e séries? Curta a nossa página no Facebook!

The following two tabs change content below.
Jornalista e radialista, é um dos fundadores do Bode na Sala. Tem 26 anos, se orgulha de ter nascido em São Borja, no interior do Rio Grande do Sul, e, atualmente, mora em Porto Alegre. Trabalhou em todas as áreas que se pode imaginar, mas acabou caindo no submundo geek. É fã do Jim Carrey, acha que o Ben Affleck é o melhor Batman do cinema, não suporta pseudo-cultismo e pretende dominar o mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close