Bode na Sala
Críticas Filmes

A Grande Jogada | Crítica

Confira a opinião de Rafael Bernardes sobre o longa estrelado por Jessica Chastain!

A Grande Jogada | Crítica

Resultado de imagem para a grande jogada posterA Grande Jogada (Molly’s Game)

Ano: 2017

Direção: Aaron Sorkin

Roteiro: Aaron Sorkin

Elenco: Jessica Chastain, Idris Elba, Kevin Costner, Michael Cera, Jeremy Strong, Chris O’Dowd, Bill Camp, Brian d’Arcy James

Filmes baseados em histórias reais costumam ser interessantes, quando bem realizados. A vida ilegal de Molly Bloom é extremamente atrativa para se assistir, pois ela acumulou milhões de dólares apenas promovendo jogos de pôquer. A trama do longa é justamente essa, mostrando a saga da mulher em busca de dinheiro. Molly, após sofrer um grave acidente nas Olimpíadas de Inverno, largou o esporte. A partir daí, ela vai para Los Angeles e conhece muitas pessoas famosas, começando a organizar os jogos.

O que deixa o filme mais interessante é ligar as pessoas apresentadas aos artistas que fizeram parte da vida da mulher.  É possível ver atores e cantores ao lado dela em fotos. Todos os nomes foram alterados, então é difícil saber quem é quem na produção. O roteiro é bem amarrado e funciona na maior parte do tempo. Quando a história foca na vida da moça, mostrando os acontecimentos até ela chegar no presente, envolve muito bem e contém bom ritmo. Porém, quando o foco está no presente, a trama perde força e se torna entediante.

Os dois atos iniciais são bem trabalhados, com alguns problemas de roteiro, mas nada que atrapalhe a experiência. A personagem central é bem desenvolvida, mostrando suas nuances entre qualidades e defeitos. No terceiro ato, os desfechos são forçados e não vão ao encontro da personalidade que foi desenvolvida durante todo o filme. Molly, que até então continha camadas, com um ótimo background, é apresentada como uma personagem unidimensional. O roteiro acaba jogando fora tudo aquilo que construiu.

Aaron Sorkin foi o roteirista e diretor do longa. A direção é simples, mas bem executada, não exagerando de planos longos e cortes abruptos. Jessica Chastain atua muito bem, carregando o filme inteiro, praticamente, pois está sempre no foco da história. Idris Elba parece estar no piloto automático, dando vida a outro personagem unidimensional, parecendo não conter defeitos. Uma das surpresas é Michael Cera, interpretando um personagem odiável, com uma atuação segura e com boa presença de cena.

A Grande Jogada conta uma história envolvente e interessante, com um bom ritmo na maior parte do tempo e revelando um pouco da personalidade de artistas famosos. Se trata de um bom divertimento, com ótimos momentos. Questionamentos sobre a legislação dos estados unidos são colocados sutilmente, podendo geral reflexão ao espectador.

Nota do crítico:


Nota dos usuários:

[Total: 0    Média: 0/5]

The following two tabs change content below.
Jornalista, pretende seguir carreira como crítico de cinema. Gosta de dar opinião sobre tudo. Reside em Belém Novo, fim do mundo de Porto Alegre.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close