Bode na Sala
Filmes Notícias

Game of Thrones | Jason Momoa revela que teve dificuldades para conseguir trabalho após interpretar Khal Drogo

Agora, o ator dá vida ao Aquaman

Game of Thrones | Jason Momoa revela que teve dificuldades para conseguir trabalho após interpretar Khal Drogo

Durante a sua participação no programa de Jimmy FallonJason Momoa contou que teve dificuldades para conseguir trabalho após dar vida a Khal Drogo na primeira temporada de Game of Thrones. As informações são do Comic Book Movie.

“Muitas pessoas não achavam que eu sabia falar inglês. Foi desafiador, algo como ‘o que você vai fazer com o Drogo? Não dá para colocá-lo em uma comédia’. Você é deixado de lado um pouco. Na verdade, a primeira pessoa que me fez perceber isso foi Fred Armisen. O conheci porque minha enteada Zoe fez Portlandia. Ele também queria me conhecer e falou ‘eu nem sabia que você falava inglês’. Foi de partir o coração. Era por isso que eu não estava conseguindo trabalho”, disse Momoa.

Ao ser questionado sobre como conseguiu ser o Aquaman em Liga da Justiça, o ator disse que o convite foi do próprio Zack Snyder, um grande fã de Game of Thrones.

“Todo o processo de seleção foi bem maluco. Zack [Snyder] era um grande fã de Game of Thrones, muitas pessoas gostam da série e Zack era um deles. Eu não conseguia trabalho, mas ele me ligou. Foi engraçado porque eu não tinha ideia de quem iria interpretar. Ele me chamou para um teste do Batman, mas Ben [Affleck] já estava escalado, então fiquei pensando ‘para o que estou indo?’. Pensei que seria o vilão e lutaria contra o Batman e o Superman. Mas aí ele me disse: ‘Não. Aquaman’”, contou Momoa.

O filme solo do Aquaman é o único lançamento da DC em 2018 e estreia em 20 de dezembro.


Quer ficar por dentro de todas as novidades sobre filmes e séries? Curta a nossa página no Facebook!

The following two tabs change content below.
Jornalista e radialista, é um dos fundadores do Bode na Sala. Tem 25 anos, se orgulha de ter nascido em São Borja, no interior do Rio Grande do Sul, e, atualmente, mora em Porto Alegre. Trabalhou em todas as áreas que se pode imaginar, mas acabou caindo no submundo geek. É fã do Jim Carrey, acha que o Ben Affleck é o melhor Batman do cinema, não suporta pseudo-cultismo e pretende dominar o mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *