Bode na Sala
Filmes Notícias

John Lasseter se afasta da Pixar após denúncias de assédio sexual

Chefe criativo tinha o costume de "apertar, beijar e fazer comentários sobre atributos físicos" no estúdio

John Lasseter se afasta da Pixar após denúncias de assédio sexual

Após uma matéria do Hollywood Reporter informar que John Lasseter, o chefe criativo da Pixar, foi acusado de assediar sexualmente funcionários do estúdio, um comunicado interno foi emitido pelo próprio Lasseter, anunciando um afastamento de 6 meses da empresa.

Eu sempre quis que nossos estúdios fossem lugares em que os criadores podem explorar suas visões com o apoio e colaboração de outros talentosos animadores e contadores de história. Esse tipo de cultura criativa precisa de uma vigilância constante para ser mantida. É construída com confiança e respeito e se torna frágil se algum integrante do time não se sente valorizado. Como líder, é minha responsabilidade garantir que isso não aconteça; e agora acredito que falhei nesse quesito. 

Recentemente tive diversas conversas que foram muito dolorosas para mim. Nunca é fácil assumir erros, mas é a única forma de aprender. Como resultado, tenho pensado muito no líder que sou hoje comparado ao mentor, defensor e exemplo que quero ser. Foi me dito que fiz alguns de vocês se sentirem desrespeitados e constrangidos. Essa nunca foi a minha intenção. Coletivamente, vocês são o meu mundo e me desculpo profundamente se os decepcionei. Quero me desculpar especialmente com qualquer um que tenha recebido um abraço indesejado ou qualquer gesto, de qualquer forma ou maneira, que pareça inapropriado. Não importa o quão benigna seja minha intenção, todos tem o direito de estabelecer os próprios limites e tê-los respeitados. 

Nas minhas conversas com a Disney, estamos unidos e comprometidos em sempre tratar as suas preocupações com a seriedade merecida, e discuti-las de maneira apropriada. Também compartilhamos o desejo de reforçar a vibrante e respeitosa cultura que tem sido a base do sucesso dos nossos estúdios desde o início. E concordamos que o primeiro passo nessa direção é que eu me afaste para refletir em como seguir em frente daqui. Por mais difícil que seja para mim me afastar de um trabalho que amo e de um time que tenho em alta consideração, não apenas como artistas, mas como pessoas, sei que isso é o melhor para todos agora. Minha esperança é que esses seis meses sabáticos me darão a oportunidade de me cuidar melhor, recarregar e me inspirar, voltando com discernimento e perspectiva que preciso para ser o líder que vocês merecem. 

Tenho imenso orgulho dessa equipe e sei que vocês continuarão a impressionar o mundo na minha ausência. Desejo a todos ótimas festas e aguardo ansioso para que voltemos a trabalhar juntos no próximo ano. 

John

Lasseter foi acusado por funcionários da Pixar de “apertar, beijar e fazer comentários sobre atributos físicos”. Fontes disseram que o diretor de Toy StoryVida de InsetoCarros assediava constantemente as mulheres da empresa, e algumas delas sabiam virar a cabeça rapidamente ao encontrá-lo para evitar seus beijos. Algumas até inventaram um movimento que apelidaram de “Lasseter”, que consistia em evitar que ele colocasse as mãos nas pernas.

Um interno da empresa afirmou que, em uma reunião, viu Lasseter passando a mão nas pernas de uma mulher que estava sentada ao seu lado, mas que, se ela não tivesse uma postura defensiva, “sua mão teria viajado”.

O THR ainda informou que Rashida JonesWill McComarck, dupla de roteiristas responsável por Toy Story 4, deixaram o projeto após Lasseter realizar um “avanço indesejado”, mas não houveram mais detalhes.

The following two tabs change content below.

João Vitor Hudson

João Vitor Hudson é um editor de vídeos que está se formando em Publicidade & Propaganda aos 21. Ama cinema desde quando desejava as férias escolares só pra assistir todos os filmes do Cinema em Casa e da Sessão da Tarde. Ainda não possui o hábito de ver filmes de terror e é um pouco leigo quando se trata de cinema nacional, mas é um carinha boa praça que não dispensa ver um filme. Fã confesso do Nolan, Aronofsky e da Pixar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close