Bode na Sala
Filmes Notícias

Hollywood tem sua pior temporada de blockbusters dos últimos 11 anos

Pior arrecadação desde 2006!

Hollywood tem sua pior temporada de blockbusters dos últimos 11 anos

De acordo com a Variety, a bilheteria do verão norte-americano, temporada de férias em que Hollywood lança os seus principais blockbusters, arrecadando cerca de 40% do total do ano, teve uma queda de 14% em relação a 2016 e deve ser o menor número desde 2006, quando a soma do faturamento de todos os longas chegou a US$ 3,74 bilhões.

Até o momento, 2017 também sofre uma queda de 5,7% e o mês de agosto caiu US$ 34% em relação ao ano passado. A baixa arrecadação dos novos títulos de franquias consagradas como Piratas do Caribe e Transformers, além de fracassos como Rei Arthur e Valerian e a Cidade dos Mil Planetas são apontados como os culpados pelos péssimos números.

Foi o subgênero de super-heróis que conseguiu assegurar que Hollywood não amargasse um fracasso ainda maior em seu verão: Logan, Mulher-Maravilha, Homem-Aranha: De Volta ao Lar e Guardiões da Galáxia Vol. 2 tiveram boas arrecadações domésticas. A falta de um sucesso como Esquadrão Suicida no mês também explica a queda em agosto. As maiores arrecadações do mês foram Annabelle: A Criação do Mal, A Torre Negra e Dupla Explosiva, que nem chegaram na marca dos US$ 50 milhões em bilheteria.

Apesar disso, o ano ainda poderá ainda poderá dar a volta por cima. It: A Coisa, Blade Runner 2049, Thor: Ragnarok, Liga da Justiça e Star Wars: Os Últimos Jedi devem arrecadar boas quantias e alavancar os números de 2017.

The following two tabs change content below.
Jornalista e radialista, é um dos fundadores do Bode na Sala. Tem 25 anos, se orgulha de ter nascido em São Borja, no interior do Rio Grande do Sul, e, atualmente, mora em Porto Alegre. Trabalhou em todas as áreas que se pode imaginar, mas acabou caindo no submundo geek. É fã do Jim Carrey, acha que o Ben Affleck é o melhor Batman do cinema, não suporta pseudo-cultismo e pretende dominar o mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *