Bode na Sala
Filmes Notícias

Mulher-Maravilha | Filme é banido no Líbano

Mulher-Maravilha | Filme é banido no Líbano

Um grupo conseguiu banir Mulher-Maravilha dos cinemas do Líbano por conta da nacionalidade da protagonista Gal Gadot, que nasceu em Israel.

O grupo se chama “Campanha para Boicotar Apoiadores de Israel-Líbano” e citou a associação de Gadot com o exército israelense, que é obrigatório por dois anos, como a razão principal para banir o longa do país.

Em uma série de posts de Facebook, a campanha usa frases da atriz em uma entrevista em 2015 para revista Fashion, quando disse: “O exército não era tão difícil para ela. Os militares me deram um treino para Hollywood”.

Eles ainda condenam o apoio da atriz ao exército de Israel na controversa invasão a Gaza, onde ela escreveu em seu Facebook: “Mando meu amor e orações para os cidadãos de Israel, especialmente para todos os meninos e meninas que estão arriscando sua vida protegendo meu país contra os terríveis atos do Hamas, que estão se escondendo como covardes atrás de mulheres e crianças… Vamos superar!!! Shabbat Shalom!”.

O mesmo grupo tentou proibir Batman Vs Superman: A Origem da Justiça justamente por conta de Gadot.

The following two tabs change content below.
Estudante de Jornalismo, formado em Programação. Fanático por Cinema, começou a gostar mesmo da sétima arte depois de velho. Estuda por conta própria e pretende seguir “carreira” como Crítico de Cinema.

Latest posts by Rafael Bernardes (see all)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *