Bode na Sala
Notícias Séries TV

Better Call Saul | Bob Odenkirk diz que Bryan Cranston pode participar da série

Better Call Saul | Bob Odenkirk diz que Bryan Cranston pode participar da série

Em entrevista ao ShortList, a estrela de Better Call SaulBob Odenkirk, foi perguntado se ele e Bryan Cranston, o eterno Walter White de Breaking Bad, ainda mantém contato e deu pistas de uma possível futura parceria:

“Nós não mandamos mensagens um pro outro o tempo todo, ou vamos a bares, mas eu o vejo ocasionalmente. Ele assiste o programa e se orgulha muito dele. Estamos conversando sobre ele nos ajudar em breve, talvez dirigindo um episódio. Nós realmente gostaríamos de tê-lo a bordo.”

O ator também falou sobre o quanto veremos de Jimmy McGill finalmente se transformando em Saul Goodman nesta temporada:

“Este ano vejo meu personagem, Jimmy McGill, realmente avançando para se tornar Saul Goodman. A série não vai durar para sempre, mas neste ano demos um grande passo, pelo menos a meu ver. O plano, obviamente, é levá-lo para onde o conhecemos em Breaking Bad.”

Sobre a aguardada aparição do grande antagonista de Breaking Bad, Gus Fring (Giancarlo Esposito), o ator confirmou que não será uma simples aparição:

“Ele é uma parte muito grande desta temporada, e nós vemos mais de seu mundo. Acho que os caras por trás da série estão mais confiantes em relação ao que Better Call Saul pode ser, e o crime e os elementos de comédia realmente se amplificaram este ano.”

A nova temporada estreia nos EUA no dia 10 de abril pela AMC. No Brasil, a série será exibida pela Netflix apenas um dia após a exibição nos EUA.

The following two tabs change content below.

João Vitor Hudson

João Vitor Hudson é um editor de vídeos que está se formando em Publicidade & Propaganda aos 21. Ama cinema desde quando desejava as férias escolares só pra assistir todos os filmes do Cinema em Casa e da Sessão da Tarde. Ainda não possui o hábito de ver filmes de terror e é um pouco leigo quando se trata de cinema nacional, mas é um carinha boa praça que não dispensa ver um filme. Fã confesso do Nolan, Aronofsky e da Pixar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *