Bode na Sala
Críticas Filmes

Notas de Amor | Crítica

Notas de Amor | Crítica

Nota de Amor crítica da série de Porto AlegreNotas de Amor – 1ª Temporada

Direção: Liliana Sulzbach

Roteiro: Carol Bensimon, Fabrício Carpinejar  e Liliana Sulzbach

Elenco: Carlos Busato, Elisa Brites, Maria Carolina Ribeiro, Márcia do Canto, Emílio Farias, Evandro Soldatelli, Isadora Pillar, Jorge Gelati, Miriã Possani, Pedro de Oliveira, Sofia Mazza

A minissérie gaúcha Notas de Amor chegou na Netflix no ano passado e se destaca por focar em relacionamentos que se encontram na cidade de Porto Alegre. Em parceria com os escritores Carol Bensimon e Fabrício Carpinejar, a diretora e roteirista Liliana Sulzbach conta diversas histórias de relacionamentos em Porto Alegre. A trama é inspirada no único LP lançado pelo grupo Saracura, que marcou época na música gaúcha nos anos 80. As referências à banda são bem colocadas e trazem nostalgia aos antigos fãs e a trilha sonora composta por músicas do respectivo trabalho é espetacular, ditando o ritmo da trama e dando características regionais ao que está sendo apresentado, sem ser bairrista.

São quatro episódios que focam em relacionamentos diversos, de pai e filha, ex-namorados, aluna e professor, casal passando por mudanças no relacionamento. O interessante é o cruzamento entre essas relações, que é feito de uma forma sutil e nada forçado, nos levando a crer que essas pessoas são realmente do mesmo ciclo social ou que pelo menos frequentam os mesmos lugares. A fotografia da minissérie é linda, mostrando paisagens características da capital gaúcha, desde prédios e parques da região central, até o pôr do sol refletido no Guaíba, no bairro Lami.

O ritmo dos episódios é agradável, mesmo que sejam curtos, não percebemos o tempo passar. O conteúdo é leve, mas nos faz refletir ao mesmo tempo, divertindo e agregando alguns questionamentos sobre as formas que nos relacionamos com as pessoas. O roteiro possui falhas e algumas coisas são jogadas em tela, sem muita explicação ou sentido, mas nada que atrapalhe a experiência.

As atuações são boas, Elisa Brites rouba a cena sempre que está presente, mostrando um enorme carisma. Certamente é o destaque entre os atores. Emílio Farias e Carlos Busato também estão atuando em alto nível, carismáticos e demonstrando a verdade contida em seus personagens. A única atuação que deixa a desejar é a de Isadora Pillar, que interpreta umas das protagonistas. Ela aparece em todos os episódios e até o respectivo que foca em sua história, a atuação não incomoda muito. Quando o foco é a personagem, a qualidade cai em comparação aos outros atores e a trama fica mais lenta e amarrada, faltando um pouco de emoção, que não é passada pela atriz.

São três ótimos episódios e um não tão bom assim, mas não atrapalha a trama de forma significativa. Notas de amor, como o título dá a entender, fala sobre vários tipos de amor. Sem utilizar de muitos clichês e focando em relacionamento diversos, as histórias convencem e emocionam, principalmente os moradores de Porto Alegre. Além de ser uma boa minissérie, é uma grande homenagem à capital dos gaúchos.

Nota: 7/10

 

The following two tabs change content below.
Jornalista, pretende seguir carreira como crítico de cinema. Gosta de dar opinião sobre tudo. Reside em Belém Novo, fim do mundo de Porto Alegre.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close