Bode na Sala
Especiais Filmes

Especial | 10 melhores filmes de 2016 que você não viu

Especial | 10 melhores filmes de 2016 que você não viu

Por Rafael Bernardes

Os grandes estúdios de Holywood lucram milhões, bilhões com blockbusters. As salas de cinema sempre estão cheias para ver explosões, tiros e pancadaria. É o entretenimento puro. Por outro lado, diversos filmes que não são tão valorizados pelo público e que não chegam em muitas salas de cinema estreiam e encantam a quem assiste. Esses filmes, em sua maioria possuem questionamentos, metáforas e provocam debates. Essa lista é sobre essas produções, que não tem como objetivo apenas entreter o público.

10 – Rua Cloverfield, 10

Mais uma ficção científica sobre aliens? Não. Rua Cloverfield, 10 é um suspense angustiante e um show de atuações. Todos os atores estão muito bem, e cada personagem apresenta uma complexidade que assusta. É um filme de reviravoltas e que nos faz mudar de opinião o tempo inteiro.

Cloverfield

9 – Os Oito Odiados

O filme estreou no Brasil no início de 2016, então entra na lista. Um dos melhores filmes de Quentin Tarantino, fazendo inúmeras referências aos seus próprios filmes e contando a história de uma forma que só ele consegue. Os Oito Odiados foge da fórmula convencional, incomodando muita gente que não está acostumada. Um Faroeste cheio de críticas sociais e muito, muito sangue.

Oito

8 – Aquarius

Esse ano foi excelente para produções nacionais. Nessa lista você verá ao menos três filmes brasileiros. Aquarius foi o favorito para disputar o Oscar de Melhor Filme Estrangeiro por algum tempo, mas acabou não sendo selecionado. O filme conta a história de Clara, uma crítica musical aposentada. Ela vive no edifício Aquarius, visado por especuladores imobiliários para ser demolido e transformado num empreendimento maior.

Aquarius

7 – Boi Neon

Um filme simples, com uma fotografia linda e uma história tocante. Boi Neon mostra a vida de um homem do campo que sonha em ser estilista. As atuações são ótimas e o filme dá muita profundidade ao personagem principal. Esse filme precisa ser visto e na minha opinião, é superior a Aquarius.

Boi

6 – Sinfonia da Necrópole

O melhor filme brasileiro deste ano é desconhecido, poucas pessoas souberam de sua existência. É uma das produções mais criativas dos últimos anos, com uma fotografia impecável e atuações espetaculares. Sinfonia da Necrópole foge da fórmula padrão dos filmes nacionais, contando uma história de uma forma diferente. Sim, o melhor filme brasileiro de 2016 é um musical. Essa é a minha opinião e eu odeio musicais. Então deixa o preconceito de lado e assiste, você vai sentir vontade de falar sobre ele depois.

Sinfonia da necropole

5 – A Juventude

Mesmo não sendo mais tão jovem, Michael Caine entrega uma atuação espetacular em um filme maravilhoso. A história mostra como é envelhecer de uma forma crua e sem floreios, parecendo cruel algumas vezes. Mas a trama não é cruel, a vida é.

juventude

4 – Anomalisa

Uma animação adulta e forte. Anomalisa entra na mente de um homem e percorre por todos os seus traumas e dificuldades de relacionamento. De cara você se identifica com o personagem principal e vai se emocionando ao decorrer da história. Mesmo parecendo ser um tema simples, a consciência humana e os problemas psicológicos apresentam uma complexidade gigantesca.

anomalisa

3 – Carol

Rooney mara e Cate Blanchett protagonizando uma linda história de amor e luta contra o preconceito. O filme é espetacular, mostrando o envolvimento das personagens principais e com um grande aprofundamento. Seria o melhor filme do ano, até o mês de dezembro.

carol

2 – Elle

Elle estreou em dezembro no brasil levando o peso de favorito ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro. Atuações espetaculares, um roteiro impecável e uma belíssima fotografia. Elle mostra situações que fogem dos padrões, e com coragem, aborda termos delicados. O filme incomoda o espectador do início ao fim e levanta diversos questionamentos.

elle

1 – Capitão Fantástico

O melhor filme do ano! Essa é uma opinião estritamente pessoal. Capitão Fantástico me envolveu de uma forma que quase nenhum outro filme fez. Capitão Fantástico conta a história de uma família criada no em um ambiente natural, que além de ser preparada para a sobrevivência, possui um nível intelectual muito alto. A forma com que as crianças são criadas é seguidamente questionada por parentes do pai da família, que acham não ser o certo. O filme mostra as diferenças das criações, levantando questionamentos sobre a vida consumista e padronizada que vivemos. Além disso, atuações, fotografia, roteiro, o filme não possui defeitos, é redondo.

capitao

 

 

The following two tabs change content below.

bodenasala

Comments

  1. Adorei o blog, meus parabens!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *